Passar para o Conteúdo Principal
Voltar ao início

Constituídas Respostas de Apoio Psicológico para Crianças e Jovens Vítimas de Violência Doméstica

Ação SocialPlaneamentoSaude
Rap2 1 1024 2500
26 Novembro 2021

rap1

No âmbito do AVISO Nº POISE – 37‐2021‐01 – Tipologia de Operação 3.17 – Instrumentos específicos de proteção das vítimas e de acompanhamento de agressores na violência doméstica (financiado pelo Programa Operacional Inclusão Social e Emprego (POISE) do Portugal 2020, através do Fundo Social Europeu e com a Comissão para a Cidadania e a Igualdade de Género (GIG) enquanto Organismo Intermédio), a Comunidade Intermunicipal do Cávado (CIM Cávado) coordenou, desde março de 2021, um processo de concertação das candidaturas para a constituição das Respostas de Apoio Psicológico para Crianças e Jovens Vítimas de Violência Doméstica (RAP), com as entidades que integram a Rede Nacional de Apoio às Vítimas de Violência Doméstica (RNAVVD) no território da NUTS III Cávado, sendo o GASC uma das entidades envolvidas nesta concertação.
As RAP visam promover o atendimento, acompanhamento e apoio psicológico especializado a crianças e jovens vítimas de violência doméstica e violência de género e emergem do (re)conhecimento do impacto da violência doméstica contra crianças e jovens, exigindo uma intervenção mais atenta, designadamente na RNAVVD, através da promoção de respostas de apoio especializado para estas vítimas, tendo em conta a sua vulnerabilidade e necessidades específicas.
Deste trabalho, resultou a organização territorial das estruturas das RAP no Cávado, que assenta na formalização de um conjunto de parcerias em linha com a abrangência territorial de intervenção. Neste contexto, o GASC será responsável, em parceria com os Municípios de Esposende e de Barcelos, pela operacionalização da resposta nos concelhos de Esposende e de Barcelos.
Esta resposta de apoio psicológico para crianças e jovens vítimas de Violência Doméstica abriu em setembro de 2021, denominando-se “CorAção com Voz” e visa prestar um serviço especializado de apoio psicológico a crianças e jovens vítimas de violência doméstica, incidindo no impacto e no trauma das vivências experienciadas. Tem a duração prevista de 16 meses, com o término previsto para 31/12/2022, e a afetação de 2 Psicólogos/as, cobrindo o território de Barcelos e Esposende com um gabinete de atendimento em cada concelho.
O CorAção com Voz propõe uma modalidade de intervenção integrada e complementar, com sessões individuais e em grupo, de modo a abranger um maior número de crianças/jovens e melhor intervir nas necessidades das mesmas. Pretende-se fornecer suporte emocional e realizar um trabalho terapêutico de integração das experiências vividas e do trauma provocado, assim como capacitar as crianças e jovens com competências pessoais, sociais e de autonomia, e estimular os relacionamentos interpessoais positivos. Objetiva-se, ainda, a desconstrução de papéis de género e a promoção de uma perspetiva alternativa assente numa cultura de igualdade e de cidadania, a identificação da violência como um problema e como um crime e o aprofundamento do conhecimento das dinâmicas relacionais abusivas.
A intervenção desta estrutura apostará na inclusão social, ao prever a criação de um Modelo Integrado de Acompanhamento Individual Especializado para crianças e jovens com Deficiência, através de um Acordo de Parceria e Cooperação Interinstitucional com a APACI (Associação de Pais e Amigos de Crianças Inadaptadas), surgindo este do reconhecimento da necessidade de intervenção nesta população, quer pela sua maior vulnerabilidade, 4 vezes superior a uma criança ou jovem que não tem qualquer deficiência, quer pela escassez de respostas especializadas neste âmbito.
A operação CorAção com Voz sustenta-se na convicção de que é fundamental que as crianças e jovens recebam apoio com a maior precocidade possível, criando contextos que facilitem a recuperação da sua segurança emocional e física e, assim, potenciem a prevenção da replicação dos comportamentos violentos.
Pretende-se potenciar o fortalecimento de uma rede colaborativa intersectorial que reforçará, na sua base, a promoção de uma cultura de igualdade, e de maior proteção às vítimas de Violência Doméstica, com particular destaque para as crianças e jovens, através do estabelecimento de diferentes parcerias e acordos de cooperação interinstitucional, firmados com compromissos objetivos formais, rentabilizando recursos e aprendizagens mútuas.
A criação da RAP CorAção com Voz é um marco na intervenção que o GASC realiza há já vários anos no fenómeno da Violência Doméstica por ser a primeira estrutura especialmente dirigida a esta população. É com grande responsabilidade que o GASC e a equipa afeta a esta resposta abraça este desafio, com o compromisso de com a sua Ação dar Voz ao Coração das crianças e jovens!
Contactos:
253 816 196 | 253 181 171 | 912 153 787
coracaocomvoz.rap@gmail.com
Locais de atendimento:
Esposende | Espaço Bem me Querem
Rua Narciso Ferreira n.º 108 r/c, 4740 – 281 Esposende
Barcelos| GASC (Grupo de Ação Social Cristã)
Campo 25 de Abril, nº 24 e 26, 4750-102 Barcelos
Com estas iniciativas o Município associa, mais uma vez, a sua atuação ao cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).