Passar para o Conteúdo Principal
Voltar ao início

Esposende regista maior crescimento populacional entre os municípios de média dimensão do Norte

Pop 1 1024 2500
29 Julho 2021


O concelho de Esposende foi o município de média dimensão do Norte que registou, nos Censos 2021, o maior aumento da população, relativamente aos números da última contagem, em 2011. De resto, no distrito de Braga, Esposende apenas é ultrapassado pela capital de distrito. Esposende figura no grupo restrito de 51 concelhos (entre 308) que registou um aumento populacional neste processo que foi o 16.º recenseamento da população portuguesa.
O concelho de Esposende, com um aumento de 2,6% da população residente, foi, a par de Braga (6,5%) e Vizela (0,7%), dos únicos municípios do distrito que registaram crescimento demográfico, de acordo com os primeiros resultados dos Censos 2021 do Instituto Nacional de Estatística (INE).
Segundo os dados revelados, Esposende tem agora 35.145 habitantes, quando, em 2011, tinha 34.256. Estes valores atestam os indicadores recolhidos pela Câmara Municipal de Esposende, na monitorização das medidas adotadas para a fixação de habitantes, nomeadamente o apoio ao desenvolvimento económico e a fixação de empresas, o ensino e a cultura, o desporto e o ambiente.
No distrito de Braga, com a exceção de Esposende, Braga e Vizela, todos os restantes nove concelhos perderam população, com destaque para Barcelos (menos 3%), Terras de Bouro (-12,3%), Fafe (-4,2%) ou Celorico de Basto (-12,1%).
Relativamente aos concelhos vizinhos, Viana do Castelo regista uma descida de 3,2% na população residente, enquanto Póvoa de Varzim viu subir em 1,4% os seus habitantes. No litoral, Caminha registou uma diminuição de 5,1% dos habitantes e Espinho tem menos 2,4% dos residentes, relativamente a 2011.
Na última década, Portugal registou um decréscimo populacional de 250.066 pessoas.