Passar para o Conteúdo Principal
Voltar ao início

Terminou ontem o 3.º Festival de Teatro Amador de Esposende

 dsc3806 1 1024 2500
01 Abr

_DSC3602

O 3.º FestiAma – Festival de Teatro Amador do Concelho de Esposende chegou ontem ao fim, no Auditório Municipal de Esposende, encerrando um ciclo de seis produções e 12 espetáculos, sempre com lotação esgotada.

Nesta edição, que decorreu entre 16 de fevereiro e 31 de março, apresentaram-se em palco os grupos de teatro amador do concelho, nomeadamente o GATA – Grupo de Teatro Amador de Fão com a peça “O Nariz”, o GATERC - Grupo Amador de Teatro Esposende-Rio Cávado com a produção "Al Olaré", o grupo infantojuvenil Boca de Cena com "Escafandro", o grupo de teatro JUM com “Círculo da Caça”, o GARFO - Grupo de Artes Recreativas de Fonte Boa com a peça “Aqui há Gato” e o grupo Forjães em Cena com “A Vizinha do Lado”. Refira-se que dois dos textos são de autores locais, designadamente “Escafandro”, de Hugo Direito Dias, e “Aqui há Gato”, de Joaquim Graça do Vale.

No total estiveram envolvidos 87 atores amadores, sob a orientação dos encenadores Jorge Alonso, Eva Fernandes, Hugo Direito Dias e Jorge Vale. Para além da oportunidade de apresentarem publicamente o seu trabalho e de se conhecerem entre si, os grupos de teatro tiveram também a oportunidade de adquirir ferramentas relativas à organização de um espetáculo.

A adesão do público é também digna de registo, na medida em que cada espetáculo, com apresentações ao sábado e ao domingo, registou sempre casa praticamente cheia. Com efeito, assistiram ao 3.º FestiAma mais de 2500 espetadores, o que reflete o reconhecimento do público e a qualidade das produções apresentadas.

Nesta edição, pela primeira vez, as entradas foram cobradas, com o valor simbólico de dois euros por pessoa, sendo que a verba apurada se destina a apoiar o trabalho que os grupos de teatro vêm realizando.

Na cerimónia de encerramento do 3º FestiAma o Presidente da Câmara Municipal, Benjamim Pereira, agradeceu o empenho e a dedicação dos grupos de teatro do concelho, tanto pelo sucesso do festival como pela promoção e desenvolvimento da Cultura, em geral, e do teatro, em particular, no concelho. Registou-se, no final, um momento de alguma emotividade, com a homenagem ao senhor José Maria Mota, um amante do teatro e ator do grupo Forjães em Cena, recentemente falecido.

Recorde-se que o FestiAma é um evento promovido pela Câmara Municipal de Esposende, no âmbito do programa CREARTE – Crescimento da Arte Teatral em Esposende, enquadrando-se nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030 da ONU, que o Município refletiu para a sua gestão, nomeadamente no ODS 4 - Educação de Qualidade e no ODS 17 - Parcerias para a Implementação dos Objetivos de Sustentabilidade.