Passar para o Conteúdo Principal
Voltar ao início

Município de Esposende combate desperdício alimentar nas cantinas e refeitórios escolares

1
3
15 Fevereiro 2024

Integrado no Plano Municipal de Sensibilização/Formação para Alimentação Saudável, Segura e Sustentável, o Município de Esposende promoveu uma ação de sensibilização intitulada “Combate ao desperdício alimentar nas cantinas e refeitórios escolares”.

A iniciativa, que decorreu ontem, no Centro de Informação Turística de Esposende, contou com a participação de mais de meia centena de colaboradores afetos às cozinhas e refeitórios escolares e assistentes operacionais do Município e Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS), tendo sido orientada por técnicos da ATAHCA - Associação de Desenvolvimento das Terras Altas do Homem, Cávado e Ave.

Em Portugal, cerca de 1 milhão de toneladas de alimentos são desperdiçados anualmente. A avaliação do desperdício alimentar nos estabelecimentos de ensino desempenha uma importante função na educação alimentar, na perspetiva nutricional, social e ética, devendo ser realizada por rotina e como forma de sensibilizar para a temática. O desperdício alimentar pode contribuir para uma refeição nutricionalmente inadequada, pelo que a sua avaliação se reveste de elevada importância.

Não obstante o Município de Esposende encaminhar devidamente os bioresíduos produzidos nos refeitórios e cantinas escolares, tendo criado um circuito específico para a recolha e transporte para valorização, importa reduzir a quantidade produzida. Neste contexto, é primordial a sensibilização da comunidade escolar para a pertinência de uma alimentação equilibrada e diversificada, com o mínimo de produção de resíduos. A contabilização dos desperdícios alimentares pode ser utilizada para medir a qualidade da refeição ingerida pelos alunos, sendo que o pessoal afeto aos refeitórios deve, numa perspetiva pedagógica, fomentar o consumo de todos os componentes da refeição, nomeadamente sopa, legumes e fruta, incentivando os alunos a ingeri-los em quantidades equilibradas.

Através da realização desta ação, o Município de Esposende contribui para a concretização dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030 da ONU, designadamente do ODS 3 – Saúde de Qualidade, ODS 4 – Educação de Qualidade, ODS 10 – Reduzir as Desigualdades e ODS 17 – Parcerias para a Implementação dos Objetivos de Sustentabilidade.