Passar para o Conteúdo Principal
Voltar ao início

Laço Azul encerra Campanha de Prevenção dos Maus-Tratos na Infância

Ação SocialCPCJEducaçãoJuventudeRede Social de EsposendeSaude
Laco0 1 1024 2500
29 Abril 2022

laço2

Esposende assinalou, hoje, com a formação de um Laço Azul humano, no largo do Bom Jesus, em Fão, o encerramento da campanha de sensibilização para a prevenção os maus-tratos na infância, que decorreu durante o mês de abril. Promovida pela Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Esposende, a atividade foi concretizado por cerca de 200 alunos da Escola Profissional de Esposende, e contou também com o apoio do Gabinete Municipal de Proteção Civil.
O “Movimento Laço Azul” nasceu em 1989, na Virgínia, Estados Unidos. O laço azul é o símbolo da luta de uma avó, Bonnie Finney, contra os maus-tratos que os seus netos foram alvo. E porquê azul? Porque Bonnie Finney não queria esquecer os corpos cheios de nódoas. O azul, que simboliza a cor das lesões, passava a imagem constante na sua luta na proteção das crianças contra os maus-tratos.
Considerando que a sensibilização e o combate aos maus tratos na infância exigem um esforço conjunto, por forma a torná-lo cada vez mais transversal e eficaz na sociedade, a CPCJ, em colaboração com a Câmara Municipal, a Empresa Municipal Esposende 2000, a Escola de Música de Esposende, o projeto AMAReMAR e os agrupamentos de escolas, desenvolveu, ao longo de todo o mês, uma campanha alargada de sensibilização.
Foi lançado o desafio a todas as escolas para criação de um laço azul e fixação do mesmo no(s) seu(s) edifício(s) e, à semelhança dos anos anteriores, foi feita publicação, nas redes sociais da CPCJ, dos Kudo Cards.
Aproveitando a cerimónia de apresentação pública das respostas de Apoio Psicológico para crianças e jovens vítimas de Violência Doméstica (RAP), em funcionamento no território da NUT III Cávado, como sendo um bom momento para manifestar a necessidade de travar este flagelo, contou-se com a participação da Escola de Música de Esposende, que fez uma interpretação da canção “Cuida bem de mim”, e com a participação do grupo de percussão do projeto AMAReMAR – Arte e Comunidade, com a apresentação de uma peça de percussão que absorveu a sua influência na música original “Por Este Rio Acima” de “Fausto”.
A CPCJ associou-se, ainda, à caminhada da Amizade, que foi promovida pela Esposende 2000 no dia 24 de abril e, no mesmo dia, promoveu uma sessão gratuita de cinema com a exibição do filme CAFARNAUM, de Nadine Labaki.
Estas atividades enquadram-se no âmbito da iniciativa lançada em 2008, pela Comissão Nacional de Promoção dos Direitos e Proteção das Crianças e Jovens, que definiu o mês de abril como o Mês da Prevenção dos Maus-Tratos e que, anualmente, tem vindo a merecer a adesão de cada vez mais concelhos de todo o país. Através da CPCJ, Esposende associa-se, de novo, a esta causa, procurando contribuir para minimizar este flagelo.
Estas iniciativas dão cumprimento aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030 da ONU, metas que o Município de Esposende assumiu e verteu para o seu plano de ação autárquica.