Passar para o Conteúdo Principal
Voltar ao início

Relatório de Gestão de 2021 comprova boa gestão financeira do Município de Esposende

Ação SocialAdministração GeralAmbienteAnimaisBibliotecaCasa das MarinhasCoro de Pequenos Cantores de Esposende Coro SéniorCOVID-19CulturaCultura,TurismoDesportoEconomiaEducaçãoEmpregoJuventudeLoja SocialMuseu MunicipalPlaneamentoPlano Municipal de Dignificação dos Animais PresidentePromoção de SaúdeProteção CivilQualidadeRede Social de EsposendeSaudeTurismoUrbanismo
Cm esposende 1 1024 2500
21 Abril 2022

Foi hoje aprovado, em reunião do executivo municipal, o Relatório de Gestão do Município de Esposende do ano 2021, documento que será submetido à apreciação da Assembleia Municipal, na sessão agendada para o próximo dia 28 de abril.

Apesar do contexto pandémico, que obrigou a reforçar o apoio às famílias, empresas e instituições do concelho, o Município conseguiu aumentar o investimento. A execução do Plano Plurianual de Investimentos fixou-se em 8 173 214 euros, mais 2 767 594 euros face a 2020, que em termos percentuais significa um aumento do investimento superior 50% em relação ao ano transato.

Em termos de disponibilidade financeira, no final de 2021, a Câmara Municipal dispunha de um saldo de gerência orçamental superior a 6,5 milhões de euros, que acresce ao orçamento de 2022 perfazendo um valor de 39,2 milhões de euros.

O resultado desta gestão, rigorosa, permite ao Município dispor, caso necessite, de uma capacidade de endividamento superior a 20 469 383,36.

A execução do orçamento da receita fixou-se em 90,32%, mais 10% que no ano transato. Quanto à execução da despesa, foi de 72,54% verificando-se, contudo, uma diminuição de valor semelhante, muito por força das limitações ainda existentes da pandemia.

“Apesar de todos os constrangimentos, conseguimos, mesmo assim, levar a cabo um relevante conjunto de intervenções, projetos e ações”, assinala o Presidente da Câmara Municipal, Benjamim Pereira, lembrando que “atribuímos um conjunto de apoios, nomeadamente, isenções e benefícios fiscais, distribuição de equipamentos, mantivemos as taxas mínimas de IMI acumuladas ao IMI familiar, bem como a isenção total da derrama, entre muitos outros”. O autarca refere que, a par disso, em estreita colaboração com as Juntas de Freguesia, o Município deu continuidade ao Plano de Investimento nas Freguesias, privilegiando a melhoria das condições das vias, a requalificação do espaço público e a intervenção em infraestruturas e edifícios.

O Presidente da Câmara Municipal sublinha que “o Relatório de Gestão expressa claramente a gestão rigorosa e responsável que tem sido executada e que faz com que o Município seja detentor dos meios financeiros exigíveis para cumprir com os encargos assumidos, assim como garante o cumprimento dos compromissos assumidos com a população”.

“Estamos orgulhosos destes resultados e satisfaz-nos saber que, apesar da situação atípica que vivemos, em resultado da pandemia, fomos capazes de corresponder aos anseios da população, tomando decisões assertivas, mantendo serenidade na gestão e estabilidade política, aspetos que muito contribuem para o sucesso deste Município e para uma imagem extremamente positiva que temos perante os demais”, conclui Benjamim Pereira.