Passar para o Conteúdo Principal
Voltar ao início

Centro Interpretativo de S. Lourenço convida a celebrar o Natal com teatro de marionetas

43 1 1024 2500
09 Dez

36

O Centro Interpretativo de S. Lourenço, em Vila Chã, vai promover sessões de teatro de marionetas, na quadra natalícia, convidando o público a celebrar esta época, divulgando e valorizando o património cultural de Esposende.

“A História de um bravo castrejo!” é como se intitula a peça a apresentar, concebida e produzida pelo Teatro e Marionetas de Mandrágora, no âmbito da candidatura “Do Ferro ao Ouro”, cofinanciada pelo NORTE 2020 - Programa Operacional Regional do Norte, Portugal 2020 e Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER). As vivências e peripécias de um jovem castrejo são o mote para levar o público a viajar cerca de 2000 anos e a conhecer as suas origens.

A celebração da época natalícia é muito antiga e está associada à festa pagã “natalis solis invicti” (festa do nascimento do Sol Vitorioso). Realizada no solstício de inverno (no Hemisfério Norte), estava associada a rituais do ciclo agrícola. Na Roma Antiga a festividade ficou conhecida como Saturnália, com início a 17 de dezembro e na qual era comum a oferta de presentes.

Sob este pretexto, o Centro Interpretativo de S. Lourenço dinamiza esta ação, que se enquadra no cumprimentos das metas dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030 da ONU, nomeadamente a valorização da diversidade cultural e da contribuição da cultura para o desenvolvimento sustentável, a promoção de políticas orientadas para o desenvolvimento que apoiem as atividades produtivas, criatividade e inovação, bem como a consolidação dos esforços para proteger e salvaguardar o património cultural e natural

As sessões decorrerão nos dias 20, 21, 22, 27, 28 e 29 de dezembro, com acesso gratuito. Contudo, face à situação pandémica atual, o número de participantes é limitado e carece de reserva prévia através telefone 253 960 179 ou do e-mail arqueologia@cm-esposende.pt.