Passar para o Conteúdo Principal
Voltar ao início

Grupo de Teatro JUM repõe peça «Casado à força» no Auditório Municipal de Esposende

Casadoforca 1 1024 2500
07 Mar
No próximo sábado, dia 12 de março o teatro regressa ao Auditório Municipal de Esposende, com a reposição da peça «Casado à força», de Molière, pelo Grupo de Teatro Amador JUM, de Marinhas. Promovido pela Câmara Municipal de Esposende, no âmbito do projeto CREARTE, o espetáculo está agendado para as 21h30 e terá entrada livre.
No próximo sábado, dia 12 de março o teatro regressa ao Auditório Municipal de Esposende, com a reposição da peça «Casado à força», de Molière, pelo Grupo de Teatro Amador JUM, de Marinhas. Promovido pela Câmara Municipal de Esposende, no âmbito do projeto CREARTE, o espetáculo está agendado para as 21h30 e terá entrada livre, sendo que os ingressos estarão disponíveis uma hora antes do espetáculo.

A reposição deste espetáculo fica a dever-se ao assinalável sucesso que constituiu a estreia da peça, em janeiro passado, integrada no FESTIAMA – Festival de Teatro Amador, promovido pelo Município de Esposende no âmbito do CREARTE, um projeto orientado para o crescimento da arte teatral no concelho, que está a ser desenvolvido sob a orientação do encenador e formador Jorge Alonso. Este projeto tem possibilitado dar visibilidade aos grupos de teatro amador locais e ao seu trabalho, contribuindo para a promoção da arte teatral e para a dinamização cultural do Município.

“Casado à força” retoma um dos principais temas da farsa: o temor de ser traído. A peça retrata as hesitações de um homem de meia idade, Esganarelo, que abruptamente decidiu casar e quer estar certo da sua escolha. Pelo palco, com Esganarelo no papel principal, desfilarão perante os espectadores uma galeria de personagens estereotipadas e engraçadas.

Na representação desta comédia de Molière, a JUM procura retratar os maneirismos do período do barroco no Século XVII, utilizando também os figurinos e a música de Lully, Corelli e Bach.