Passar para o Conteúdo Principal
Voltar ao início

Benjamim Pereira visitou União das Freguesias de Fonte Boa e Rio Tinto

 dsc0012 1 1024 2500
17 Junho 2019

_DSC0004

A União das Freguesias de Fonte Boa e Rio Tinto esteve, ontem, na agenda do Presidente da Câmara Municipal de Esposende. Benjamim Pereira prossegue, assim, o roteiro de visitas às freguesias, com o objetivo de elaborar o próximo Plano de Investimento e, num contexto mais abrangente, avaliar com os eleitos locais a definição de projetos estruturantes para o futuro para cada uma das freguesias.

Depois das visitas às Uniões das Freguesias de Esposende, Marinhas e Gandra, e de Belinho e Mar, Benjamim Pereira e os seus vereadores dedicaram o dia de ontem a Fonte Boa e Rio Tinto onde, juntamente com o executivo de Carlos Escrivães e Fernando Martins, avaliaram as necessidades destas freguesias e a possibilidade de execução das mesmas.

O Presidente da Câmara Municipal relembrou a importância de definir quais os projetos prioritários, na medida em que os recursos financeiros são limitados. Salientou, contudo, que o Município e as Juntas e Uniões de Freguesia estão focadas e empenhadas no cumprimento do programa sufragado, o qual reflete as aspirações, necessidades e anseios das populações.

Em Fonte Boa e Rio Tinto foram abordados, entre vários outros assuntos, intervenções no plano da rede viária, de modo a garantir as necessárias condições de segurança, a beneficiação de equipamentos, entre as quais das instalações de Fonte Boa da União de Freguesias, e a criação de espaços de estacionamento em lugares onde se afigura necessário. Para melhor aferir cada uma das situações, os autarcas deslocaram-se ao terreno, tendo tido também oportunidade de contactar com a população.

Benjamim Pereira refere que “estas visitas ao terreno têm-se revelados bastantes positivas, uma vez que permitem uma melhor avaliação das situações, de modo a estudar a solução mais adequada para cada caso”. Acrescenta que o objetivo do Município é que as obras possam avançar tão breve quanto possível, sendo certo que a sua execução carece do prévio cumprimento dos procedimentos exigidos.