Passar para o Conteúdo Principal
Voltar ao início

Município de Esposende avança com projeto de estimulação cognitiva

Coro senior 1 1 1024 2500
09 Março 2018

O Serviço de Ação Social do Município de Esposende está a implementar o projeto “Som da memória – paisagens sonoras”, no âmbito do Programa de Envelhecimento Ativo, propondo a criação de um espaço de encontro destinado a pessoas com problemas de memória ou demência, proporcionando experiências de estimulação cognitiva e sensorial através da música. Por via do exercício criativo pretende-se estimular o convívio destes cidadãos, respeitando a singularidade de cada qual.

Este projeto deriva do trabalho anteriormente desenvolvido, no âmbito do Coro Sénior de Esposende, espaço onde verificou-se a necessidade de implementar um trabalho mais específico com cidadãos que sofrem de demências.
Na sequência das oficinas corais e instrumentais, desenvolvidos por Rita Campos Costa e José Figueiredo, da FRENESIM, no ano âmbito do trabalho que sustentou a candidatura ao Prémio BPI 2016, proporcionaram aos coralistas uma experiência enriquecedora no plano da formação musical, tanto a nível individual como coletivo.
O projeto “Som da memória – paisagens sonoras”, pretende acolher pessoas com problemas de memória ou demência e respetivos familiares e cuidadores, com o objetivo de proporcionar experiências através da música, assente no convívio saudável, respeitando e valorizando as raízes históricas e culturais da própria comunidade.
“Som da memória – paisagens sonoras” constituir-se-á como um espaço onde irá prevalecer o exercício criativo, a expressão das subjetividades e singularidades de cada participante, num ambiente acolhedor, com base num referencial de inclusão social e integralidade pessoal. Por outro lado, pretende-se contribuir para a sensibilização sobre a problemática da demência e promover a capacitação e valorização dos familiares e cuidadores.
Este projeto visa sensibilizar a comunidade para a partilha musical, lembrando que, quanto mais despertos, atentos e perspicazes forem os cidadãos em relação à música, mais fácil é a convivência social e a vontade de criar.
Pretende-se, ainda, desenvolver relações entre gerações, famílias, vizinhos e educadores a partir da arte, assim como despertar valências e ferramentas que possam ser utilizadas no dia-a-dia de cada um, seja qual for o seu sítio, rotina ou gostos.
O Serviço de Ação Social do Município de Esposende pretende, com a prossecução deste projeto, melhorar as condições e bem-estar das pessoas através de estímulos musicais, valorizando o espólio tradicional português, através das canções, letras, danças, poesia e histórias individuais. No final, realizar-se-á um espetáculo, durante o qual serão apresentados à comunidade os resultados obtidos com este projeto.
A oficina “Som da memória – paisagens sonoras” funcionará no Centro de Informação Turística de Esposende, à segunda-feira, entre as 10h00 e as 11h30. A participação é gratuita, mas carece de inscrição no Serviço de Ação Social, Rua dos Bombeiros, 51, 4740-291 Esposende, telemóvel 962020398 ou através do correio eletrónico accaosocial@cm-esposende.pt.